no

Tire suas dúvidas sobre o programa Bolsa Primeira Infância

Na brasil encontramos muitas pessoas que não têm uma renda fixa para conseguir manter sua casa e sua família. Pensando em ajudar essas famílias mais desprovidos, que não conseguem trabalho e que têm filhos pequenos para criar, o Governo Federal oferece o programa Bolsa Primeira Infância, assim como vários outros programas. Logo, o programa Bolsa Primeira Infância, é oferecido exclusivamente para crianças pequenas.

Saiba Mais:

Tire suas dúvidas sobre rendimento da Poupança

Tire suas dúvidas sobre o cartão de crédito Nubank

Conheça aqui os Cartões de Crédito Caixa

Se você já ouviu falar sobre esse assunto, mas não sobe precisamente como ele funcionava, no artigo de hoje, você vai conhecer um pouco mais sobre esse programa, e além disso, saberá como e o que fazer para obter e receber essa ajuda. Além disso, você também poderá conhecer um pouco mais sobre o Bolsa Família e saber também, como ele funciona, quem o recebe e muito mais.

O que é o programa Bolsa Primeira Infância?

O programa Bolsa Primeira Infância é um programa criado a pouco tempo e possui diversas vantagens, oferecendo o melhor para quem está precisando. Esse programa, criado no ano passado (2019), visa aperfeiçoar a vida daqueles que estão passando por necessidades e pessoas que não tem condições de sustentar sua família. Além disso, esse programa foi desenvolvido, visando também não deixar que crianças entre 0 e 3 anos passem fome ou necessidades maiores.

E com isso, as famílias que possuem crianças entre a idade mencionada (0 a 3 anos) podem receber esse benefício/ajuda. O valor desse benefício é de R$ 100,00 por cada criança dentro dessa faixa etária. O limite máximo de crianças em uma única residência é de 3 crianças.

Como funciona o Bolsa Primeira Infância?

Assim como já falamos anteriormente, esse benefício é disponibilizado especificamente para crianças de 0 a 3 anos, para acabar com a fome e para que essas pessoas não tenham que passar por necessidades. Com isso, quando a pessoa excede o limite da idade, passando a ter 4 anos, ela já é retirada do programa Bolsa Primeira Infância.

Milhares de famílias têm sido beneficiadas por meio deste programa, famílias essas, que passam por necessidades extremas e que não têm as condições necessárias para conseguir colocar o alimento na mesa e sustentar seus filhos. Além disso, a família contemplada recebe todo um acompanhamento para ser ajudada e ter uma melhor direção para não gastar com coisas desnecessárias.

Como se cadastrar no programa Bolsa Família?

Se você deseja fazer o seu cadastro no Bolsa Família, pois se encontra em situação de pobreza ou de extrema pobreza, é preciso se dirija até a Prefeitura de sua cidade. Lá, você deverá responder um questionário. Neste questionário, serão solicitados seus dados pessoais e você terá que informar a sua renda mensal, e outras informações.

Depois disso, você deverá esperar até que você receba a sua aprovação e após isso, ainda irá passar por um processo até que consiga ter o seu cartão de benefício em mãos. Vale lembrar que, para a solicitação do benefício, será necessário que você esteja dentro de alguns critérios/requisitos. Confira abaixo.

Critérios para realizar o cadastro do Bolsa Família:

Alguns dos critérios ao quais você deve seguir para conseguir o seu cadastro no Bolso Família são:

  • Ter renda familiar mensal de R$ 70,00 a R$ 140,00;
  • O responsável do cadastro deve ser maior de 18 anos (que não esteja cadastrado em outro programa);
  • E outros.

Como é feito o pagamento do Bolsa Família

Quando você realiza o seu cadastro no Bolsa Família e é aprovado, você recebe um cartão, pelo qual você irá receber e conseguir retirar o seu benefício. Esse cartão de débito é emitido pela Caixa e o saque desse benefício pode ser feito em seus correspondentes bancários.

Cada pessoa possui seu número no cartão e o dígito final é o terminal da pessoa que vai do 0 ao 9. Quem possui o dígito 0 no final, é o primeiro a receber o pagamento do benefício e assim por diante, até que todos recebam nas datas determinadas. É disponibilizado um calendário pelo qual você possa saber a data na qual o seu terminal irá receber o benefício.

Como receber Bolsa Gestante?

Mulheres que têm uma renda mensal de até R$ 140 reais, podem se cadastrar no Bolsa Gestante. Esse benefício oferece um valor de R$ 32 reais por mês para mulheres grávidas e com a renda mencionada acima. Para recebê-lo, se dirija até a prefeitura de sua cidade e realize o seu cadastro.

Assim como o Bolsa Família, o Bolsa Gestante foi mais um programa criada para que mulheres grávidas, que possuem pouquíssimas condições (com uma renda de até R$ 140 reais), consigam manter a gravidez e não acabem cometendo abortos ou perdendo seus filhos por falta de dinheiro para manter a gravidez.

Quem pode receber o Bolsa Família?

Apenas pessoas que têm renda entre R$ 70,00 a R$ 140,00 é que podem fazer o seu cadastro e receber o benefício do Bolsa Família. Além desse critério, também é solicitado que pelo menos uma pessoa que compõe a família seja menor de idade e alguns outros.

Saiba Mais:

Cartão de crédito Hipercard para negativados

Conheça as vantagens do Cartão de crédito C6 Bank

Solicitar‌ ‌um‌ ‌Cartão‌ ‌Magazine‌ ‌Luiza